Minha cara virou terreno no dia do orgasmo

Imagem

Tem preguiçoso que nem uma tocou no dia do orgasmo. Eu não, só tenho, às vezes, preguiça de comer. Não sou preguiçoso, mas também não entremos nos detalhes dos serviços domésticos, please! Ler e escrever me consome muito tempo. Aviso logo, lancharemos metáforas e vamos ter que nos virar com o ovo com casca quebrada e o estoque cheio de macarrão instantâneo. Haverá bocas e brechas e mãos não terá. Nada de morrer na mão, Mr. Man! Como acabam de me falarem na mensagem aqui no FB, estou tirano (e não é o gerúndio sem D: cagano, viveno, dano, chupano, teclano e sonhano). Brink’s que já estou vomitando (e não vomitano) o nosso futuro nessa sopa concreta de orgasmo. (como é? – juro que perguntaria se tivesse lendo. Esfrega a testa!).

.|.

E, sem sal e a contra gosto, começou agosto. Injuriado saí de julho, um tanto feliz pelo dia do orgasmo e guloso por saber que existe uma daquele tamanho. Obrigado, senhor.

.|.

Fui firme e fiz ser completo o meu dia do orgasmo. Fico feliz por te proporcionar aqueles gemidos. Agora me sinto satisfeito. To lendo Adélia Prado, ‘Filandras’, e estou amando. Fantástico o dia de hoje. Saiu quente…

JOÃO GOMES
(o texto não está interligado porque o escrevi, em partes, no meu mural do Facebook.)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s